No dia 6 de novembro, o Instituto Euvaldo Lodi (IEL-RJ) promoverá o workshop “Como empreender no ambiente de negócios?”, onde promoverá o debate e o entendimento sobre o ambiente de negócios, as principais ferramentas para acesso ao capital e as características de uma organização exponencial para que as empresas avaliem os caminhos a percorrerem. O evento acontece de 13h30 às 18h30, na sede do Sistema FIRJAN (Av. Graça Aranha, 01/ 2º andar. Centro, Rio de Janeiro).

O Movimento Sou do Rio foi lançado com a proposta de estimular a população a priorizar a compra de produtos fabricados no Rio e, com isso, contribuir para o fortalecimento da economia local e para o processo de retomada econômica.

Entender os impactos da reforma trabalhista no ambiente de negócios e os novos paradigmas das relações laborais é essencial. Para orientar os empresários fluminenses, o Sistema FIRJAN organizou palestra online com Pedro Capanema, consultor Jurídico da Federação. Segundo ele, a reforma só produzirá efeito em 13 de novembro, devido ao período de vacância de 120 dias – contados a partir da publicação da norma –, para que a sociedade compreenda os mais de 200 dispositivos alterados.

O Fundo Estadual de Equilíbrio Fiscal (FEEF), que determina às empresas o recolhimento de 10% do valor total recebido como incentivos fiscais, teve seu prazo de vigência prorrogado para 2020. A mudança foi aprovada através do Projeto de Lei nº 3.186/17, de autoria dos deputados Luiz Paulo (PSDB) e André Ceciliano (PT).

Foi assinado, no dia 21 de julho, o acordo Mercosul-Colômbia, que reduzirá a zero as tarifas de exportação para a Colômbia de todos os itens da cadeia têxtil e de confecção, trazendo novas perspectivas para a relação comercial entre os países do bloco econômico.